Aberta oficialmente a 40ª edição do Zeskamp


Depois de sete anos, o Zeskamp volta a ser sediado e organizado pela única colônia de imigrantes holandeses do Rio Grande do Sul: Não-Me-Toque. A abertura oficial aconteceu na noite desta quarta-feira (18), às 18h30min, no ginásio Harry Alberto Erpen - Nenão.



A abertura contou com a participação do Tenor Luiz Carlos Wiedthauper que cantou o Hino Nacional Brasileiro. Em seguida, seu filho Thiago Luiz Wiedthauper entoou o Hino Holandês.


Na sequência foram apresentadas as seis colônias holandesas: Arapoti (Paraná), Campos de Holambra (São Paulo), Carambeí (Paraná), Castrolanda (Paraná), Holambra I (São Paulo) e Não-Me-Toque (Rio Grande do Sul) que juntas fizeram um juramento para a integridade e bom andamento dos jogos.


O evento também contou com a participação dos religiosos Frei Laerte Reis, da Igreja Católica Cristo Rei e do Pastor Alex Ziemann, da Igreja Luterana, ambos conduziram uma bênção ecumênica à todos os atletas participantes.



Um dos pontos marcantes da abertura foi uma homenagem prestada aos imigrantes. Holandeses, que com sua coragem, determinação e muita fé, deixaram suas pátrias, atravessando o Oceano Atlântico, em uma viagem sofrida nos porões dos antigos navios a pavor, rumo ao até então desconhecido Brasil, em busca de uma condição de vida mais digna para si e seus familiares. Na bagagem, no entanto, mais do que velhas roupas surradas, trouxeram ideias que transformariam para sempre a feição das cidades, inclusive a de Não-Me-Toque.



Após as homenagens foi acesa a chama olímpica. Para conduzir a chama olímpica foram reverenciados os imigrantes holandeses e as diversas gerações de descendentes que os sucederam. Representando os imigrantes da 1ª e 2ª geração, Willibrordus van Lieshout e Marian Rietjens; 3ª geração, Henrique van Riel e Wilhelmina Souilljee Gorgen; 4ª geração, Átila Stapelbroek Trennepohl e Paula Samuel van Schaik e a 5ª geração, Mateus Simoni e Joana Rietjens.


Por fim, O Centro de Tradições Gaúchas - CTG Galpão Amigo, através da Invernada Artística Adulta "Os Galponeiros" realizaram uma apresentação, mostrando um pouco mais da cultura gaúcha aos visitantes. Como temática atual, Os Galponeiros fazem através de suas coreografias uma homenagem ao Grupo dos Oito e a Construção do 35 CTG de Porto Alegre, expoentes do tradicionalismo gaúcho. Além da dança de entrada, Os Galponeiros também fizeram um pout-pourri de danças de salão, como chamame, vaneira, valsa, rancheira, milonga e chote.



Prestigiaram o evento, o vice-prefeito no exercício do cargo de prefeito, Pedro Paulo Falcão da Rosa; Presidente da Câmara de Vereadores, Marina Fátima Trennepohl Crestani; cônsul adjunta do Reino dos Países Baixos, Nanna Stolze; secretários municipais, demais Vereadores, soberanas, convidados, imprensa e comunidade em geral.


Em 2019, o Zeskamp será realizado na colônia holandesa de Carambeí, no Paraná.


O que é o Zeskamp?


O Zeskamp - seis colônias é o maior encontro anual de descendentes da migração holandesa no Brasil, realizado há 40 anos e tradicionalmente reúne as colônias de Arapoti (Paraná), Campos de Holambra (São Paulo), Carambeí (Paraná), Castrolanda (Paraná), Holambra I (São Paulo) e Não-Me-Toque (Rio Grande do Sul).


É promovido sempre no mês de julho e tem como atrações as competições esportivas de futsal, futebol de campo, futebol society, vôlei, mini Zeskamp nas diversas categorias e faixas etárias, além da grande gincana dos seis campos (o Zeskamp).


A missão do Zeskamp é incentivar a prática esportiva, a cultura e a valorização à família, promovendo integração entre os holandeses radicados no Brasil e seus descendentes com a comunidade em geral.


Logo do 40º Zeskamp:


A logo representa a ideia de uma identidade visual mista, composta de logotipo e símbolo. O logotipo leva a edição e o ano em numeral, o nome do evento e acidade em que se realiza, todos em tipografia sem serifa, com formas geométricas arredondadas. Já o símbolo trabalha a ideia da união das seis colônias holandesas em um círculo de formas geométricas e orgânicas representado por pessoas, nas cores das colônias participantes. Esse símbolo representa ainda a ação das colônias unidas com os braços estendidos para frente, prontos para entoarem "grito de guerra" em prol das tradições, da cultura e do esporte.


Patrocinadores do Zeskamp:


Categoria Diamante - Stara; Categoria Ouro - Cotrijal e Implementos Agrícolas Jan; Categoria Bronze - Augustin Massey Ferguson, Sicredi, Stahar, Plantiagro - revenda Stara e BS Bios.


Apoiadores do Zeskamp:


Prefeitura Municipal de Não-Me-Toque, DLL Seguros e DLL Financeira, AGCO, Produza, Mânica Seguros, Nosso Posto, Tortuga - DSM, Van Ass Sementes, WD Insumos Agrícolas e Seanet Telecom.



5a4e2ef62da5ad73df7efe6e_edited.png
  • Instagram
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

© COPYRIGHT 2019, PORTALNMT

TERMO DE USO   |  PRIVACIDADE

WhatsApp-icone.png