Bandeira Preta: Prefeitura de Passo Fundo e HSVP confirmam mais 10 leitos de UTI Covid-19

#PortalEstáEmTudo



Enquanto Passo Fundo aguarda a publicação de um novo decreto estadual com as regulamentações oficiais acerca das medidas e protocolos sanitários de distanciamento social em razão da inclusão da região em bandeira preta, o prefeito de Passo Fundo, Pedro Almeida, anunciou na manhã deste sábado (20), em parceria com a direção do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), a abertura de 10 novos leitos de UTI destinados para pacientes com Covid-19.


Além disso, o prefeito determinou que a Secretaria de Saúde trabalhe em um plano de expansão de unidades para triagem e atendimento de casos sintomáticos e suspeitos de coronavírus. “Seguimos com os nossos esforços no enfrentamento à pandemia. Já transformamos o CAIS Boqueirão em uma segunda unidade de referência para garantir o melhor acolhimento à população e vamos analisar como ampliar a rede de cobertura”, definiu Pedro, acrescentando que estas ações serão confirmadas nos próximos dias, a partir dos pareceres jurídicos que foram solicitados à Procuradora-Geral do Município.


Para atender a determinação do Governo do Estado, que impôs a suspensão das atividades públicas e privadas que gerem aglomeração no horário das 22h às 5h, a partir deste sábado (20), o prefeito orientou o aumento da fiscalização às secretarias de Segurança Pública e de Desenvolvimento Econômico. “Precisamos contar com o apoio e a cooperação de todos os passo-fundenses no enfrentamento à Covid-19. Sabemos que é uma tarefa difícil, mas a responsabilidade é coletiva”, declarou o chefe do Executivo.


O superintendente Executivo do HSVP, Ilário De David, afirmou que diante do quadro de agravamento da pandemia em Passo Fundo e em toda a região, as direções Técnica, Médica e de Enfermagem da instituição deliberaram pela montagem destes 10 novos leitos de UTI para pacientes com Covid-19. “Levando em consideração a ocupação de 100% dos leitos de UTI para esta finalidade, achamos importante esta decisão. A partir disso já iniciamos o trabalho de liberação e montagem dos equipamentos e das equipes profissionais que irão atender neste setor. A nossa previsão é de que estes leitos já estejam disponíveis nos próximos dias da semana que vem”, reforçou De David.





Com informações Diário da Manhã

WhatsApp-icone.png