Carazinho possui 114 casos positivos de dengue

#PortalEstaEmTudo

@Gazeta 670

Por Emílio Arruda


A Secretaria Municipal da Saúde por meio do setor de Vigilância Epidemiológica alerta para o alto índice de casos suspeitos de dengue que não compareceram para fazer a coleta do material para ser remetido à testagem. De acordo com a responsável técnica do setor de Vigilância Epidemiológica, Márcia Smaniotto, cerca de 150 pessoas agendadas não se apresentaram.

Crianças até 10 anos devem fazer o exame no SAE (nas quintas-feiras às 8h) e crianças acima de 10 anos e adultos na ESF Princesa (de segundas a quintas-feiras), conforme agendamento feito pela Vigilância Epidemiológica, com o paciente via telefone.

Vale ressaltar que as ações de combate ao Aedes Aegypti, transmissor da Dengue, Zika Vírus e Chikungunya estão sendo intensificadas pela secretaria da Saúde, desde capacitações direcionadas aos profissionais da saúde, mobilizações dos agentes de Endemias e equipe da Vigilância Sanitária na fiscalização de áreas internas e externas de domicílios, notificação para limpeza e cuidado necessário para evitar proliferação do mosquito, além da conscientização da população por meio de visitas ou mídias sociais sobre cuidados de prevenção da dengue.

A secretaria ainda reforça, que diante do trabalho que está sendo realizado para a proteção da saúde da coletividade, cada munícipe possa colaborar no enfrentamento a dengue, removendo todos os riscos possíveis de proliferação do mosquito.