top of page

Detentos do Instituto Penal de Passo Fundo ameaçam greve de fome

@Site Uirapuru Por Bruno Reinehr


Presos do Instituto Penal de Passo Fundo (IPPF), informaram que entrariam em greve de fome nesta segunda-feira (27) como forma pacífica de exigir seus direitos, segundo informação recebida pela Rádio Uirapuru.


Os apenados do regime semiaberto reivindicam melhores condições dentro da casa prisional, bem como a aceleração do processo de homologação das cartas de emprego para aqueles que já estão em processo de progressão de regime. Segundo a nota encaminhada à reportagem, um grande número de detentos do IPPF está esperando pela homologação da carta, o que tem gerado uma superlotação do presídio.


Além disso, os presos pedem agilidade nos trâmites de falta grave, que tem deixado muitos detentos à espera de uma oportunidade de justificar sua conduta e voltar a trabalhar.


Os detentos afirmam que “estão em greve de fome pacífica e apenas exigem seus direitos como presidiários e como seres humanos que devem ser tratados de forma justa e digna”. Eles pedem que as autoridades responsáveis pelo sistema prisional atendam suas reivindicações de forma urgente.


A Rádio Uirapuru entrou em contato com a delegacia penitenciária regional. De acordo com o delegado Kleber Medeiros, a greve de fome não está em andamento e os policiais penais estarão encaminhando a lista de nomes de apenados que aguardam análise e deliberação de benefícios.


Comments


bottom of page