Direção do Hospital Alto Jacuí anuncia acordo de recompra da ala de investidor

Em entrevista no final da tarde de terça-feira na Rádio Nova Ceres, o presidente do Hospital Beneficência Alto Jacuí, Paulo Cervi, e o Tesoureiro, Gil Cé, em entrevista com os jornalistas Marcelo Fripp e Jussara Sirena comunicaram um acordo de recompra da ala da entidade que pertencia ao ex-prefeito Armando Carlos Roos.


De acordo com o presidente, as tratativas já estão ocorrendo à algum tempo, com propostas e contrapropostas até se chegar em um denominador comum, Paulo destacou que foi evitado que o acordo fosse firmado durante o período das negociações por entrar em um período eleitoral, onde poderia gerar interpretações destorcidas na comunidade, por optou-se por deixar alinhado a negociação para ser retomada a partir de agora.


O Hospital está com edital de convocação da assembleia publicado, e de acordo com o tesoureiro Gil Cé, a proposta que será apresentada na reunião oficial da entidade é um valor justo para as duas partes, tanto para o investidor quanto para a instituição, onde os valores serão divididos em alguns anos.


O tesoureiro informou que o Hospital atende hoje um média de 85% SUS e atua com recursos escassos, por isso agradece as buscas junto ao Poder Público e a uma família tradicional de Não-Me-Toque que prontificou-se a garantir o aporte financeiro para a entidade.


Em alguns dias as tratativas deverão ser formalizadas, garantindo que o Hospital siga com seu atendimento para a comunidade de Não-Me-Toque de demais municípios.


No link a seguir você terá acesso a matéria da notificação recebida pela entidade em julho com a notificação extrajudicial do investidor que colocava em risco o funcionamento da ala em questão - CLIQUE AQUI





5a4e2ef62da5ad73df7efe6e_edited.png
  • Instagram
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

© COPYRIGHT 2019, PORTALNMT

TERMO DE USO   |  PRIVACIDADE

WhatsApp-icone.png