Igreja Católica reforça chamada para regularização no cemitério

A Comunidade Católica Cristo Rei segue a espera de familiares de pessoas sepultadas em seu cemitério e que possuam sepulturas abandonadas ou descuidadas. Em um estudo realizado do constatado que no espaço de dez mil metros quadrados do cemitério existe um grande número de jazigos sem os cuidados devidos e ao mesmo tempo já uma escassez de espaço para novos sepultamentos.


Mesmo com a ampla divulgação já realizada um pequeno número de pessoas que identificaram sepulturas de familiares sinalizadas pelo projeto já procuraram a secretaria da Comunidade Católica, porém muitas outras do total de 394 sepulturas marcadas ainda necessitam comparecer ao local.


Este processo não será encerrado em um curto tempo, mesmo com a divulgação ampla em todos os meios de comunicação locais e até mesmo jornais de circulação estadual, respeitando a todos que precisam receber a informação.


A intenção futura é construir junto ao cemitério católico contar com um lindo memorial, com quatro metros quadrados, com mármore e vidro, onde serão colocados os ossos exumados das sepulturas que foram identificadas, já que boa parte dos jazigos que receberam a sinalização se quer possui uma identificação.


Os prazos estabelecidos indicam o início da construção do memorial até o mês de março e o início das exumações e a construção de um cemitério vertical também a partir do próximo ano.


Com a providencia necessária, que vem sendo adiada a mais de trinta anos, o cemitério católico terá condições de atender a média de sepultamentos atual por mais algumas décadas, o que sem essa ação não será possível


Toda a parte legal para o processo está sendo observado e portanto a comunidade conclama a comunidade para que de atenção ao chamado.


5a4e2ef62da5ad73df7efe6e_edited.png
  • Instagram
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

© COPYRIGHT 2019, PORTALNMT

TERMO DE USO   |  PRIVACIDADE

WhatsApp-icone.png