top of page

INSS Anuncia Redução de Taxas: Aposentados e Pensionistas Pagarão Menos em Empréstimos Consignados


O Conselho Nacional da Previdência Social (CNPS) aprovou, de forma unânime, a redução da taxa máxima de juros em empréstimos consignados para aposentados e pensionistas do INSS. A nova taxa, estabelecida em 1,76% ao mês, representa uma diminuição de 0,04 ponto percentual em relação ao limite anterior, que estava em 1,80%. Essa medida visa beneficiar os beneficiários do INSS, proporcionando condições mais favoráveis nas operações de crédito consignado.

A justificativa para a redução é o corte de 0,5 ponto percentual na Taxa Selic, os juros básicos da economia. Desde o início dos cortes na Selic em agosto, o ministro da Previdência Social, Carlos Lupi, enfatizou a intenção de ajustar o teto do consignado à medida que os juros diminuíssem.

Com essa decisão, alguns bancos oficiais precisarão ajustar suas taxas para o consignado do INSS, garantindo que estejam alinhadas com o novo teto estabelecido.

O histórico desse limite de juros foi alvo de debates no ano passado, culminando em uma redução para 1,7% ao ano em março de 2022. Tal medida gerou discordâncias entre os ministérios da Previdência Social e da Fazenda, levando à suspensão da oferta de empréstimos por parte de diversos bancos. Agora, a atualização visa proporcionar um equilíbrio entre as instituições financeiras e oferecer melhores condições aos aposentados e pensionistas.


Comments


bottom of page