Inverno: números da Cotrijal apontam para safra com saldo positivo

#PortalEstaEmTudo


Os últimos dias de 2021 formam de boas notícias para os produtores que investiram nas culturas de inverno. Com a conclusão das colheitas, foi possível encerrar os dados referentes aos trabalhos com trigo, cevada e triticale, o que dão conta de uma safra com números positivos.


Conforme levantamento do Departamento Técnico da Cotrijal, a safra de trigo de 2021 teve um incremento de área de 20% em comparação com a safra anterior. Já a produtividade ficou em 65,6 sacos/hectare, 27% superior a média estimada pela Conab para o estado do Rio Grande do Sul.


“O grande diferencial esteve no clima, que colaborou para que as plantas apresentassem o melhor potencial produtivo, com destaque para as áreas da região Nordeste do Estado (nas proximidades de Lagoa Vermelha e Vacaria), com produtores chegando a altos patamares de produção”, comentou Alexandre Doneda, gerente de Produção Vegetal da Cotrijal.


Outro ponto positivo da safra esteve nas movimentações do mercado. Com o preço em alta, os produtores aproveitaram as janelas de exportações de trigo e as boas condições. Conforme o departamento Comercial da Cotrijal, cerca 75 % da safra 2021 de trigo já foi comercializada. “O produtor fez bons negócios, com uma média de preço que ficou na casa dos R$ 80,00. O que possibilitou mandar esse trigo para fora do país”, explica Cristiano Erpen, coordenador Comercial Grãos da Cotrijal.


Pontos de atenção

As perdas de produtividades causadas por doenças como oídio e a giberela novamente preocuparam os produtores na última safra de inverno. O Departamento Técnico da Cotrijal revela que as condições do clima contribuíram para o surgimento das infecções, porém os controles preventivos apresentaram uma boa resposta. “No quesito pragas e controle de plantas daninhas, o inverno se mostrou positivo. Com as lavouras apresentando boas respostas e com isso diminuindo as incidências”, explica o coordenador técnico da Cotrijal, Alexandre Nowicki.


Demais resultados do inverno

Trigo: produtividade: 65,6 – 10 sacos a mais do que a safra de 2020 Cevada – produtividade: 57,3 sacos/ha Triticale – produtividade: 55,6 sacos/ha