Nota: FETAG-RS contra o desmonte do SUS

#PortalEstaEmTudo


A Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul – FETAG-RS posiciona-se contrária ao desmonte do Sistema Único de Saúde – SUS. Acompanhamos na imprensa nacional o posicionamento do Governo Federal sobre a inclusão das Unidades Básicas de Saúde – UBS, dentro do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República - PPI. Para esclarecimento, o PPI é um programa do governo que trata de privatizações, em projetos que incluem desde ferrovias até empresas públicas.


Importante ressaltar o momento que estamos vivenciando no Brasil com a pandemia Covid-19, a qual evidenciou a importância do Sistema Único de Saúde - SUS. Previsto na Constituição Federal como um direito do cidadão, o SUS realiza fundamental papel para a sociedade, principalmente para o acesso à atendimento de saúde à população menos favorecida de forma gratuita.


Tratar o SUS como uma atividade que enfraquece os cofres brasileiros, é olhar para cada homem e mulher do país com descaso, com distanciamento e principalmente, com falta de humanidade. A FETAG-RS vê que esta atitude do Governo Federal demonstra a visão dos “comandantes” da nação, demonstrando que saúde e qualidade de vida não são prioridades. Para a FETAG-RS é inaceitável o Governo Federal tratar o SUS como objeto de leilão.


O SUS é uma das maiores políticas públicas de saúde do mundo, e é por ela que o Movimento Sindical irá lutar, para garantir que todo e qualquer cidadão possa ter seu direito assegurado. Lutaremos para o fortalecimento do SUS, garantindo a universalidade, integralidade e equidade.


@Assessoria FETAG