Russo Preto completa 57 anos de fundação

Atualizado: Out 27

#PortalEstáemTudo

Fundado no dia 26 de outubro de 1963, o Grêmio Esportivo Russo Preto completa nesta segunda-feira (26), 57 anos de história.


Atualmente são mais de 200 crianças e adolescentes de Não-Me-Toque que integram a agremiação nas modalidades de futsal masculino, categorias Sub-5, Sub-7, Sub-9, Sub-11, Sub-13, Sub-15 e Sub17; futsal feminino Sub-13, Sub-16 e Sub-17, além do vôlei Sub-11, Sub-14 e Sub-16.


Já a atual diretoria é liderada por Odair Antônio Loeff (Presidente). Também participam da diretoria, Júlio César Borghetti (Vice Presidente), Roberto André Doebber (Tesoureiro), Andreia Rosângela Morigi (Secretária), Marcelo Juliano Defante, Vanderlei Ricardo Barzotto e Suplente: Leandro de Souza (Conselho Fiscal) e Luciano de Moraes, Júnior Fábio Rosa dos Santos e Suplente: Marcelo Luciano Gehlen (Ouvidoria).


Em entrevista à Nova Rádio Ceres, o ex-presidente e atleta do Russo Preto, Nei César Mânica afirmou que o Russo deve ter continuidade, pois através do esporte as crianças participam de atividades, não sobrando tempo para outras tendências e possibilidades. "É com muita alegria que registro o sucesso do Russo Preto. Uma história construída por muitas mãos, uma referência no salonismo do Rio Grande do Sul. Foi uma honra ser atleta e dirigente desta equipe."


Marquinhos, ex-atleta da seleção brasileira e de grandes equipes do salonismo nacional e internacional iniciou sua carreira profissional no Russo Preto. "Em 1994 vesti a camisa número 2 do Russo. Entre tantos gols, o mais importante foi o 1º gol contra a equipe do Portuário de Rio Grande." Outros atletas como Jackson Samurai, Jonathan Dal Canal, entre tantos outros jogadores passaram e fizeram história no Russo Preto.


Uma agremiação que fez e continua fazendo história em Não-Me-Toque, na região e no Estado. Foram muitas as conquistas equipe principal, nas décadas de 80 e 90.


Projeto Federal:


A diretoria do Russo Preto está trabalhando intensamente com um projeto federal, já aprovado, que tem por objetivo captar recursos do Imposto de Renda das empresas. A diretoria já visitou várias empresas e apresentou o projeto. Empresas interessadas e que estão aptas a destinar o recurso poderão entrar em contato com os membros da agremiação. Todo recurso é bem vindo, pois o clube passa por inúmeras dificuldades. Além dos problemas econômicos, a equipe também encontra dificuldades em locais para treinar seus atletas e horários. "Precisamos do apoio das empresas e também do Poder Público, pois precisamos de espaço para treinar nossos atletas que são crianças e jovens do nosso município," afirma Odair Loeff, presidente do Russo Preto.


5a4e2ef62da5ad73df7efe6e_edited.png
  • Instagram
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

© COPYRIGHT 2019, PORTALNMT

TERMO DE USO   |  PRIVACIDADE

WhatsApp-icone.png