top of page

Sicoob impulsiona o agronegócio brasileiro com soluções financeiras sustentáveis


O Sicoob, referência como um dos principais parceiros do agronegócio no Brasil, desempenha um papel fundamental na expansão e desenvolvimento do setor. Com conhecimento e soluções financeiras diferenciadas, voltadas especialmente aos seus cooperados, a instituição financeira cooperativa projeta um impacto significativo na Safra 2023/2024, estimando movimentar R$ 52 bilhões em parceria com produtores rurais. Esse valor representa um crescimento de aproximadamente 33% em relação ao ano-safra anterior, o que demonstra o compromisso contínuo da instituição em impulsionar o agronegócio nacional.


Com uma base de mais de 7,3 milhões de cooperados, dos quais mais de 430 mil são produtores rurais, o Sicoob disponibiliza recursos financeiros para estruturar, custear e comercializar a produção em todos os estados brasileiros. A estabilidade e tranquilidade neste setor são vitais para a economia do Brasil, por isso a instituição financeira oferece uma ampla gama de seguros, que garantem a proteção do patrimônio e a segurança dos produtores. Além disso, proporciona uma modalidade específica de consórcio para o segmento agrícola e pecuário, uma alternativa de acesso a bens e investimentos para as atividades rurais.


Do montante da atual safra, estima-se que R$ 37 bilhões serão destinados a operações de custeio, R$ 8 bilhões para investimentos e R$ 7 bilhões para industrialização e comercialização. É importante ressaltar que, desses valores, R$ 8 bilhões serão direcionados aos pequenos produtores por meio do Pronaf, enquanto R$ 10 bilhões serão alocados para os médios produtores através do Pronamp.


A carteira de crédito agro do Sicoob atingiu a marca de R$ 51 bilhões em junho de 2023, o que demonstrou um crescimento de 50% no último ano. Esse marco reflete o compromisso contínuo da instituição financeira em disponibilizar recursos financeiros acessíveis e personalizados, impulsionando o crescimento e o sucesso de cada cooperado, desde pequenos até médios e grandes produtores.


Fonte: Sicoob – Assessoria de Imprensa.




コメント


bottom of page